21 de set de 2013

10 dicas para incorporar valores ecológicos aos ritmos pessoais

1. Nossa primeira percepção é para a respiração. Para ser verdadeira tem que ser lenta, longa e profunda. Tem que fazer mexer a barriga. Quem respira superficial e rápido, respira pelo peito e não renova o ar lá do fundo. Respiramos mais de 18.000 vezes ao dia, quantas vezes estamos conscientes deste processo?

Experimente agora!


2. Aproveite os exercícios respiratórios para estimular a meditação.

Inspirar energia vital pelo topo da cabeça e expirá-la como se ela fosse sair pelo umbigo.... Experimente fazer isso, pelo menos, 12 vezes... Respirando devagar, longa, lenta e profundamente. 

Canalizar a energia da vida em respeitoso silêncio, sem pensamentos, sem expectativas, permite nos libertar da mente que tanto mente para a gente...

Respirar é uma prática natural de auto-cuidado não tem contra indicações e ainda por cima é de graça!!! Só demanda prática. Lembre-se que seu dia tem 24 horas. Dedique 15 minutos, no mínimo.

3. Já percebeu que nosso corpo funciona em estágios diferenciados, de acordo com os horários do dia?

Você acorda pela manhã com espírito confuso, pensamento lento, pálpebras inchadas, fraqueza, cansaço geral, dores de cabeça, mau hálito, língua coberta por uma substância branca, vista turva e etc? Sintomas de intoxicação à vista! Indicam sobrecarga dos mecanismos de eliminação e desaparecem com ingestão de estimulantes (café, chocolate, cigarro, açúcar, drogas) para depois voltarem com mais força! (atenção, vai lá ler o livro Você Sabe se Alimentar, DR. SOLEIL, 2006, p. 7 e 8).

Absorvemos os alimentos que consumimos entre 10 horas da manhã e 18:00 horas da tarde.
Metabolizamos estes mesmos alimentos, das 18:00 horas da noite às 05:00 horas da madrugada.
Eliminamos tudo entre 05:00 e 10:00 horas da manhã.

E você ainda pretende passar o dia inteiro comendo?

Durante a manhã, portanto, devemos equilibrar os nossos ritmos internos, canalizando-os para eliminação, de modo que absorver alimentos neste horário por gerar um sobrecarga no organismo e atrapalhar este processo (DR SOLEIL, 2006).

4. Fazer contato com as águas: acordar de manhã é sinônimo de lavar o rosto, fazer xixi, escovar os dentes. Troque seu sentimento de VERGONHA ou FRUSTAÇÃO por ALEGRIA em Deixar Sair: fezes, gases, tosse com catarro, corisa no nariz, lágrimas, medo, solidão... (HIRSH, 1989).

A melhor opção, pela manhã, é tomar suco de clorofila (maçãs, folhas verdes comestíveis e sementes germinadas), pois ele favorece a desintoxicação, libera toxinas, radicais livres e estimula a regeneração das células. Com o tempo, você troca todos os sintomas de intoxicação por um sorriso e um brilho no olhar...
Saúde Alimentos Vivos Panelas de Capim comida viva
Suco de Clorofila com folhas selvagens comestíveis
Água com limão também é muito bom, pela manhã e ao longo do dia! Corte um pedaço de limão e esprema em uma jarra de vidro com água. É alcalinizante, o que aumenta o oxigênio nas células e revigora todo o nosso sistema imunológico.

5. Durante o dia, observe seus instintos. Coma somente quando tiver fome. Você sabe o que é Fome? Deseje comer uma fruta, sinta o cheiro, aprecie a cor, encha a boca d´água. É assim que inicia o processo da digestão. Com a vontade de comer!

Observe seu apetite e o seu metabolismo. Na verdade, ninguém é parecido. Há pessoas que comem devorando uma enorme quantidade de comida. Logo depois, já estão com fome. Outras, comem em espaços mais distanciados de tempo. Demoram a sentir fome, pois têm metabolismo lento. Se você é do primeiro time, não vale a pena comer muito, pois seu metabolismo é rápido e você não precisa de grandes quantidades, o que apenas gerará desperdício de comida e excessos para seu sistema de eliminação com acúmulo de toxinas.

6. Aceite o seu presente e escute a fala corporal
 
Gripes, dores de cabeça, inchaços, machucados, inflamações, febres. Nada disso é sinal de doença. Pelo contrário, é a Saúde chamando pela regeneração de um sistema vivo que sabe se organizar sozinho. Pare de se intoxicar com remédios! Escute o que seu corpo tem a dizer. Vá em frente com coragem! Sinta e agradeça a sua PazCiência. Lembre-se, paciente é pessoa que sabe esperar... passar. Se não passa, procure as ervas medicinais que funcionam muito bem em um corpo livre e desintoxicado.

7.Caminhe. Lembre-se que você tem pernas! Prefira as escadas, as calçadas, os caminhos, as trilhas, os passos, as ciclovias... ANDAR à PÉ:

-Favorece a circulação;
-Ativa os tecidos musculares;
-Favorece a meditAÇÃO;
-Fortalece escolhas de vida;
-Estimula a criatividade; e

-Dá uma aterrada nas emoções.
(também é de graça! rs)

Aproveite também para andar mais descalço! As células dos pés trocam informações com a energia eletromagnética do fundo da terra. A função da terra é puxar para baixo o que não está servindo... Sai tudo de ruim pela sola do pé. Dar uma caminhada é dar uma boa aterrada Acredite!


8. Encontre tempo para cuidar!

De você, da sua casa, de um amigo, parente, planta ou jardim. O Cuidado é uma das características humanas que nos são mais caras. Transforme o ambiente onde você vive. Tenha iniciativa para criar hábitos realmente transformadores, pois é isso o que inspira mudar a nós mesmos. Cuidar é servir e reconhecer que estamos no mundo com os outros.

9. Perceba como funciona a organização das suas atividades diárias.

Pela manhã, nosso corpo é mais disposto às atividades físicas. À tarde, às intelectuais e à noite, ao sono. Observe a sua vida social e sinta se vale a pena expor seu corpo aos ritmos noturnos. Os estragos à longo prazo são grandes! À noite o corpo pede para dormir, se o seu não está pedindo é porque está muito intoxicado para perceber...

10. Revolucione a sua vida, volte-se para a sua função neste Planeta, para os seus dons...


Receba a inspiração divina que te fez chegar até aqui. Desse modo, descobriremos a relação entre corpo e ambiente, integrados para devolver à noção de real-idade (o aqui e o agora) e o estado de presença. Isso só acontece a quem se permite ceder ao fenômeno da interligação em um mundo vivo.

E tem mais, seja consciente das suas escolhas de vida e abuse da sua criatividade!

Com alegria,

Aline Chaves
Pesquisadora dos ciclos alimentares e alquimista de vegetais vivos

6 comentários :

  1. Que postagem linda, inspiradora! Gratidão!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi! Gratidão pelas palavras doces! Fico feliz que tenha gostado...

      com carinho,

      Excluir
  2. Você é linda. Transpassa-se com a humildade de quem ensina, a lealdade dos que caminham ao lado. Sem perder a graça da vontade, de todos quais observam.
    Sempre leio seus estudos e ensaios sobre naturalismo. Gosto de cada um deles
    Uma pergunta. Escreve algo além? Poesias, contos, enfim...

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Êita! rs.

      Agradecida, Roberto... Que bom que aprecia os textos do blog!

      Já escrevi mais poesias, rs. Especialmente há 15 anos atrás.

      Na verdade, ainda estou fazendo as pazes com a caneta e o teclado! Pois, a vida no campo me tirou muito do tempo e da vontade para escrever.

      Este ano estou em outro ritmo e a inspiração tá saindo para descrever as experiências e sensações.

      LUZ e PAZ

      Excluir
  3. Respostas
    1. Astrid!!!

      Fiquei muito feliz de te conhecer...

      Agradeço ENORMEMENTE o carinho,

      beijos

      Excluir

Olá!

Escreva aqui o seu comentário sobre a postagem.

Alimentação Viva: um outro estilo de viver

Afinal, o que é Alimentação Viva para você?  Para nós, não se trata de um hábito alimentar, muito menos de uma dieta. A Alimentação...

Jovens postagens

.

O conteúdo deste blog é ofertado aos leitores que desejam aprimorar-se nas práticas da Alimentação Viva e inspirar-se no estilo de vida ecológico.

Agradeço de profundo coração os compartilhamentos que CO-LABORAM para divulgar este trabalho, citando as respectivas fontes e autoria!

Aqui mora um pequeno resumo dos muitos anos dedicados à pesquisa, onde uso o meu próprio corpo como experimento.

Peço gentilmente que não utilizem as nossas publicações para fins comerciais. Só porque não vale à pena promover-se financeiramente às custas do esforço e criatividade alheios.

A Vida vem da Vida!

Com carinho,

Aline Chaves
A moça que planta nas panelas

Licença Creative Commons
Panelas de Capim de Aline Almeida Chaves está licenciado com uma Licença Creative Commons - Atribuição-NãoComercial 4.0 Internacional.
Baseado no trabalho disponível em http://panelasdecapim.blogspot.com.
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

O que tem dentro das Panelas de Capim?