19 de out de 2013

Queijo Vivo e Vegano... Versão Panelas de Capim

Olá!

Aqui vai mais uma postagem sobre fermentação de alimentos...

O queijo de mandioca fermentada com grão de bico é tudo de maravilhoso. Quer experimentar?



Como fazer queijos e ricotas vegetais?

https://www.panelasdecapim.com.br/apostilasvivas


Fica Bonito e Gostoso!!!!

Bom Apetite!

Quer mais? 
Então, cadastre-se para participar das nossas atividades!
 http://form.jotformz.com/form/50863841502655 

30 comentários :

  1. Nossa, é uma belezura, tô louca pra fazer Bjs bjs e obrigada pelas receitas lindas.

    ResponderExcluir
  2. E quanto tempo é necessário deixar o queijo no sol?
    Abraços,
    Catarina

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá!

      Honestamente falando... depende da sua experiência pessoal!

      Depende da força do sol, do tempo disponível e da sua fome.

      Na minha experiência, deixo secar 1 dia inteirinho: pela manhã de um lado e à tarde do outro lado.

      Mas, independente de qualquer coisa, se você quiser comer... já está pronto! rs

      beijos

      Excluir
  3. Esse queijo derrete? Ou é tipo ricota? Só pra saber mesmo que eu amo os 2 rsrs. Ahhh já coloquei minhas sementes pra germinar :)

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Tania!

      É uma ricotinha muito da boa!!!!!!!!!

      Boa sorte!

      Excluir
  4. Na falta da mandioca eu posso por inhame?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Vá em frente!!! Crie suas próprias experiências. Prove e aprove!!!

      Inté!

      Excluir
  5. Hum... Minha ricota esta lá escorrendo. Ta linda. Logo venho pra contar o resultado... :D

    ResponderExcluir
  6. Fiz minha primeira tentativa hoje, ainda não posso dizer que é muito bom maseu achei bem interessante! Muito obrigado por compartilhar tantos conhecimentos. O compartilhamento aberto do conhecimento é tão raro nos dias de hoje.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Emmanuel!

      Interessante ainda não é gostoso. Acerta a mão nesse tempero aí!

      Aprendi com a experiência que não existe comida mais ou menos... rs Se não tá boa, é porque ainda não tá pronta!

      Confiante no sucesso!!!

      p.s. bastante azeite é importante para dar a liga... e faz toda a diferença!

      Excluir
  7. Gratidão Aline pelas informações viu? Li que vc se formou pelo Terrapia, onde estou tendo a oportunidade de renascer para o mundo através da alimentação viva. Fiquei com uma dúvida. Este queijo precisa ir mesmo ao forno ou sol, ou pode ser ingerido assim que termina de fermentar? O aipím pode ser consumido ralado apenas, ou precisa sofrer um processo de cruzimento? Abraços!
    Adriana Santos

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Adriana!

      Ótima notícia saber que foi acolhida pela Família Viva! Terrapia é uma árvore mãe!!! Daquelas que juntam um monte de brotinhos embaixo das suas folhas... Aproveite essa energia de grupo! É muito forte!

      Claro que não precisa ir ao sol ou forno. Você pode consumir o queijinho apenas após o processo de fermentação. A desidratação é para ele ficar bonitão com aquela carinha dourada na foto!

      Aipim ralado é muito ruim!!! Vale à pena ralar e deixá-lo em um potinho com água por 2 a 3 dias, trocando de água diariamente. Fica um paladar mais interessante... Tenta aí!!!

      beijos e boas experiências neste viver que é um presente para nós!!!!!!!!

      Excluir
  8. Por favor, uma ideia da quantidade de azeite.
    Grato

    Paulo

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Paulo!

      Eu sou generosa no azeite para esta receita aí!!!

      Esse negócio de quantificar ingredientes é um suplício para mim... que adoro um olhômetro.

      Nesta quantidade aí da postagem, eu colocaria entre 4 a 6 colheres de sopa. Você observa mistura e prova para ver o que seu paladar te diz!

      Tudo de bom para ti!

      Excluir
  9. Ixi! to na duvida se meu post foi...

    ResponderExcluir
  10. Oi Aline!

    Estou fazendo a receita de mandioca com semente de girassol germinada. Aqui em casa eu não tenho como expor ao sol, gostaria de saber se dá pra ir ao forno também, e qual seria o tempo de forno. Mais uma dúvida: o forno tem que ficar aberto, como nessa receita??

    Por enquanto só fiz como ricota. É a terceira vez que estou fazendo! É uma delícia!!
    Obrigada por compartilhar!

    Um abraço e muita luz!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá, Caroline, Claudia e Tales!

      Sim, dá para ir ao forno entreaberto também. Entreaberto que é para haver circulação do ar quente. A temperatura deve estar no mínimo. E a abertura porta deve ter, pelo menos, dois palmos juntos com os dedos fechados. (Eu medi na régua e deu cerca de 20 centímetros).

      O tempo? Demora para caramba. Se estiver calor, vai mais rápido. Controle sempre a temperatura com as palmas das mãos sobre a travessa. É assim que se regula o fogo da vida... sentindo na própria pele o tamanho da quentura que não machuca você. nem a sua comida.

      beijos

      Excluir
  11. Oi Aline, minha irmã e eu adoramos seu blog! Ainda somos iniciantes na alimentação viva, mas queremos muito fazer esse queijinho, você sabe dizer qual a validade dele dps de pronto? beijos

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Juliana!

      A validade dos queijinhos depende do seu critério de organização e conservação dos alimentos.

      Por exemplo, eu não uso geladeira. Portanto, faço em pequenas quantidades e como tudo no mesmo dia ou...

      Se o queijo estiver fresco (não foi desidratado), dura mais 6 horas fora da geladeira. Nesse caso, eu desidratado antes disso e ele durará mais tempo.

      Se o queijo estiver desidratado, dura mais de 24 horas depois de pronto.

      Aqui em casa nunca sobra... rs

      beijos

      Excluir
  12. Oi Aline, outro queijinho que maravilha, não tinha mandioca em casa, estou arriscando com inhame e grão de bico germinado, bati ambos no liquidificador com um pouquinho de limão já está pinduradinho no coador de voal. Está escorrendo um caldo grosso amarelinho claro,
    vai ficar pendurado a noite toda. Esse liquido que está saindo posso colocar junto ao meu suco de sementes germinadas pela manhã? ou devo coloca-lo fora?
    Como não uso o rejuvelaque para fermentação (ainda não me arrisquei a fazer) fico na duvida quanto ao colocar o limão, se quero mais suave posso colocar algumas gotinhas? a fermentação ocorre igual? Quanta duvida, só no amor, pra responder tudo isso, beijo fadinha

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Márcia!

      Este líquido que escorre... você joga fora.

      1/2 limão tá bom!

      Pratique, pratique, pratique e não tenha medo de errar. Vai dar tudo certo!!!

      um beijão

      Excluir
  13. Olá Aline!!
    Aqui é a Grazi.

    Será que dá certo com mandioca descongelada?? Costumamos congelar aqui em casa..

    Bjs

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Grazi!!

      Tudo bom?

      Não temos geladeira em casa. Não congelamos nada. Por isso, sugiro que você faça a experiência que se encaixa em sua realidade.

      Consiga um pouco de mandioca fresca e congelada. Faça as duas experiências em separado e depois me conta. Qual delas vai perferir? rs

      um beijinho

      Excluir
  14. Olá Aline!
    Estou com dúvidas. Como é a preparação da mandioca? Vc bate ela picada? Ralada? Tem que deixar de molho dessas 2 formas por 3 Dias? Põe um pouquinho de água? Não sei se o meu liquidificador aguenta bater só com o sumo de limão...

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Raquel!

      Bate a mandioca picada em quadradinhos pequenos... que é para não machucar o nosso amigo: o liquidificador.

      No mais, é só seguir o que está escrito na receita aí em cima. Não tem nada diferente... Vá batendo os ingredientes aos poucos. Se achar que o sumo de limão é pouco, adicione meio água só até cobrir os ingredientes. Vai dar certo também!

      beijos

      Siga o fluxo!

      beijos

      Excluir
  15. Boa Tarde, Aline!

    Com grande satisfação faço esse primeiro comentário no teu blog, apesar de já visitar ele há um tempo. Pra dar o feedback vivíssimo de que esse queijo é maravilhoso!!!

    Fiz algumas alterações. Como não tinha mandioca, coloquei Macaxeira (muito abundante aqui em Pernambuco) e no tempero coloquei, além do sal e azeite, Alecrim, Orégano e Salsa que deram um sabor todo especial, principalmente o Alecrim!

    Teu blog tem me ajudado muito na caminhada pela alimentação 100% Crua e VIVA. Gratidão!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Mandioca e a mesma coisa que macaxeira, Em São Paulo chamam de Mandioca, no Rio de janeiro de Aipim e no nordeste de Macaxeira.

      Excluir
  16. Olá Aline!

    Seu blog é maravilhoso, as receitas são fantásticas!!!
    Fiz o queijo de mandioca fermentada com grão-de-bico, com a mandioca desaminada, ficou PER-FEI-TO.

    Muita paz e luz para você querida!

    Beijinho

    ResponderExcluir

Olá!

Escreva aqui o seu comentário sobre a postagem.

Alimentação Viva: um outro estilo de viver

Afinal, o que é Alimentação Viva para você?  Para nós, não se trata de um hábito alimentar, muito menos de uma dieta. A Alimentação...

Jovens postagens

.

O conteúdo deste blog é ofertado aos leitores que desejam aprimorar-se nas práticas da Alimentação Viva e inspirar-se no estilo de vida ecológico.

Agradeço de profundo coração os compartilhamentos que CO-LABORAM para divulgar este trabalho, citando as respectivas fontes e autoria!

Aqui mora um pequeno resumo dos muitos anos dedicados à pesquisa, onde uso o meu próprio corpo como experimento.

Peço gentilmente que não utilizem as nossas publicações para fins comerciais. Só porque não vale à pena promover-se financeiramente às custas do esforço e criatividade alheios.

A Vida vem da Vida!

Com carinho,

Aline Chaves
A moça que planta nas panelas

Licença Creative Commons
Panelas de Capim de Aline Almeida Chaves está licenciado com uma Licença Creative Commons - Atribuição-NãoComercial 4.0 Internacional.
Baseado no trabalho disponível em http://panelasdecapim.blogspot.com.
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

O que tem dentro das Panelas de Capim?

Voe para o nosso Site!

Voe para o nosso Site!
www.panelasdecapim.com.br