5 de mai de 2013

Agora, vamos "brotar" pra quebrar!!!

Olá!!!

Você já aprendeu a germinar sementes no ar e na água! Agora, vamos brotar na terra.

Gramas de trigo: cultivo em 1 semana
Preste bem atenção, pois nem todas as sementes são adequadas para fazer brotos na terra! Para garantir o sucesso da sua pesquisa, elaboramos um esquema bem explicadinho...

Pequeno Guia de Sementes Comestíveis para Brotação
Quem?
Observação
Onde encontrar?
trigo em grão
Grama na terra


Mercado
Lentilha
Brotos na terra
linhaça dourada
Brotos na terra
(colocar a semente seca sobre a terra)
linhaça marrom
(colocar a semente seca sobre a terra)
Alpiste
Grama na terra
Mercado
ou
Lojas de alimentos para pássaros
Painço
Grama na terra
Senha
Grama na terra
girassol com casca
Brotos na terra

Importadoras

ou

Lojas especializadas

trigo sarraceno inteiro
Brotos na terra
lentilha rosa inteira
Brotos na terra
ervilha inteira
Brotos na terra
feno grego
Brotos na terra
centeio em grão
Grama na terra
Sementes que apenas germinamos para consumir no formato de brotos
Alfafa
Brotos de terra e de ar
Importadoras
ou
Lojas Especializadas
Trevo
Brotos de terra e de ar
Feijão Moyashi
Somente brotos de ar
Milho de pipoca
Somente brotos de terra
Mercado
Niger
Brotos de terra e de ar
Lojas de alimentos
Para pássaros
Colza
Brotos de terra e de ar
Nabão
Brotos de terra e de ar


ATENÇÃO: Brotos não são sementes germinadas!!!
Semente é embrião.
Broto é planta criança..

Vamos diferenciar sementes germinadas de brotos, ok? Broto é a segunda etapa do desenvolvimento da planta. Nesta fase pós-germinação, já não tem mais cara, nem jeito de semente, rs. São observados caule, folhas e muitas raízes.
brotos de girassol na terra: cultivo em 1 semana
Agora, já sabe qual a diferença entre semente germinada e broto, né? Muita gente confunde.

semente de girassol germinada

Então, é simples assim... primeiro você germina, depois planta na terra para fazer brotos! Germinar antes para que os brotos cheguem mais rápido. Em média, 1 semana. Dependendo do clima! Quanto mais frio, mais tempo demora.

Não deixe crescer mais do que 10 a 12 cm, no caso das gramíneas. No caso dos brotos com folhas, não deixe crescerem mais do que duas. Quando um broto cresce demais, gasta muita energia para se tornar uma planta adulta e perde a vitalidade.

Como fazer?


Em uma bandeja furada, coloque 2 a 4 dedos de terra de qualidade (de preferência, a do quintal mais próximo). Não vale terra de loja de plantas, pois estão cheias de aditivos químicos. Na falta de terra de quintal, procure húmus de minhoca que é mais limpinho. 

Coloque por cima da terra as sementes germinadas:


girassol com casca, lentilha, alfafa, trigo, centeio, alpiste, milho de pipoca, painço, senha, niger, nabão, colza, linhaça, feno grego, ervilha inteira.

Regue diariamente seus brotos. Eles gostam de pouca água e luz indireta. Lembre-se, em 1 semana costumam estar prontos para comer. As gramíneas (trigo, centeio, senha, painço, milho de pipoca) devem estar no mínimo com 10 cm de altura e os brotos (girassol, lentilha, linhaça, níger, colza, nabão, ervilha inteira) quando apresentarem 2 folhas.

Regador é uma garrafa pet com furinhos na tampa (martelo e prego)
 Vamos ver como eles se organizam no ecossistema da sua casa? Tem que fazer para descobrir... A pesquisa agora é com você, que vai se tornar um produtor doméstico de alimentos vivos, rs!
 
 
Há, ainda, os brotos de ar... Estes ficam para as cenas do próximo episódio, ok?

Quer saber como reciclar a terra que sobra dos brotos?

Clique a imagem abaixo e descubra...
Brotário suspenso

Com carinho, 
Aline Chaves e as Panelas de Capim

Apostila de Alimentação Viva para iniciantes:

Clique na imagem e confira!

16 comentários :

  1. Aline, tudo bem ?
    Eu plantei o broto de girassol aqui em casa e eu tenho dúvida sobre o que fazer com a terra depois que eu colho o broto. Eu jogo a terra fora ou da pra aproveitar em uma nova plantação ?
    Obrigado

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Rodrigo, esta pergunta é muito boa!!!

      A resposta é depende... Afinal, tudo depende do trabalho que você quer ter.

      Se você escolheu otimizar seu tempo e energia organizando um sistema vivo de renovação, a resposta é dá para aproveitar em uma nova plantação.

      Eu, por exemplo, estou sempre renovando meu brotário com as terras dos brotos que já usei...

      É simples! Você só precisa de 2 baldes furados... E jogo de cintura para observar os ciclos de transformação da terra :0)

      Como funciona?
      Após utilizar seus brotos, a terra que sobra vira um excelente preparado fértil. Só que, como tudo na vida, ela precisa de tempo para se decompor, certo?

      Então, você vai organizar o tempo em baldes!!! Os baldes são furados no fundo para não reter umidade. Se você não tem quintal, coloca aquele reparo de vasos de plantas em baixo.

      Balde 1: recepção das terras recém-utilizadas. Tampe com uma lajota para manter a umidade.
      O descanso ocorre em 1 semana, tempo suficiente para as raízes dos brotos antigos se decomporem naturalmente. Viram terra nova outra vez.

      Balde 2: é o balde onde você coleta a terra nova que já estava se decompondo desde a semana anterior (esse é o resultado do Balde 1 depois de 1 semana).

      A tecnologia é colocar terra usada em um balde e retirar terra nova do outro (balde).

      Após, 1 semana os baldes trocam de função e você começa tudo outra vez. Assim, você passa a reciclar a terra dos brotos!

      Compreende?

      Terra é tesouro... isso a gente não joga fora!

      beijinhos

      Aline

      Excluir
    2. amei seu blog ,eu sou vegetariana, mais a um ano estou mudando ,meus abtos , e com suas dicas vai ser bem mais facil bjaoooooo

      Excluir
  2. Cada dia mais apaixonada pelo seu blog, Aline. Um amigo que me indicou sua página no Face e, de verdade, tem sido minha leitura diária. Estou montando minha horta vertical com garrafas pet. Estou ainda no processo de escolha da terra, já que meus pais tem um terreno em um lugar próximo. A fé que você tem em tudo que você fala, me enche os olhos de lágrimas. Não de tristeza, mas sim de esperança por dias cada vez melhores, em paz e harmonia com esse cosmo que nos cerca, que sentimos, mas o bloqueamos de alguma forma. Ler o que você posta só me fez ter fé no estilo de vida que eu sempre almejei ter. Obrigada!!! Muito obrigada mesmo! Que sua vida continue sendo iluminada!! Um cheiro e beijos de luz pra ti!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Laryssa, sua linda!!!

      Fiquei toda emocionada com a sua mensagem.

      Que todos nós tenhamos força para seguir em frente... e enfrentar cada vendaval como se fosse um assobio!!!

      Nós somos do tamanho dos nossos sonhos...

      beijos de luz e sucesso na horta vertical!!!!

      Excluir
  3. Aline, parabéns pelo blog! Eu amei e estou começando agora com alimentação viva. Gostaria de saber como consumir os brotos de girassol! Os meus já estão no ponto da colheita e gostaria de saber como posso consumi-los. Outra coisa, comprei um trigo que não germina de jeito nenhum! O que posso fazer com estes grãos? Tem alguma ideia? São 500gr e não gostaria de jogar fora. :( Obrigada! Bjs

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Dani!

      Os brotos de girassol podem ser consumidos com 10 cm, o que ocorre em aproximadamente 2 semanas...

      Para comer brotos, não utilizamos as raízes. Basta cortar os caules bem na base que fica próximo à terra.

      Retire as cascas que não se soltaram ainda das folhas.

      Lave e tempere à seu gosto. Ficam lindos nas saladas...

      Os trigos que não germinam são um ótimo alimento para a compostagem. Todavia, se esta não for sua realidade... nunca jogue no lixo, jogue na rua em terrenos baldios.

      O aprendizado que resta é ler sempre o tempo de validade das sementes, além de adquirir experiência sobre quais locais possuem pouca saída deste tipo de semente.

      beijos e boa sorte.

      Excluir
  4. Olá minha nova e querida amigona ,nossa você não faz idéia daquilo que seu blog está fazendo em minha vida ,pois abriu um horizonte há muito procurado por mim,sou mãe do Afonso meu nome é Clea e busco sempre o melhor para minha família e você com certeza tem o melhor em conhecimento,gostaría de saber o que faço com as raizes do alpiste depois de cortar os brotos todos para nosso suco? preciso aprender mais e mais todos os dias,muito obrigado só tenho que agradecer,Deus tem colocado pessoas extraordinárias como você em nossas vidas.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Clea!

      Querida! Que ótimo saber que há lindas manifestações de vida em movimento e transformação!!! maravilha!

      Agradeço de coração o seu carinho!

      Olha aqui nesta postagem o que nós fazemos com as raízes que sobram dos brotos que já comemos:

      http://panelasdecapim.blogspot.in/2013/06/re-ciclando-terra.htm

      beijos

      Excluir
  5. Ola Aline boa noite!
    Gostaria de saber se podemos consumir os brotos como saladas alem de sucos?obrigada bjs de luz no <3.....Ah!....amei seu blog.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá!

      As gramas só conseguimos consumir na forma de sucos coados (o organismo não digere).

      Já, os brotos com duas folhas consumimos na forma de sucos ou saladas.

      Sucesso!

      Excluir
  6. Ola Aline, amei seu blog!
    Estou começando na alimentação crua e tenho muitas dúvidas.
    Em relação aos brotos de terra, como faço pra utiliza-los? Devo arrancar da terra? Ou cortar? Nesse caso deixo a raiz pra continuar crescendo? Agradeço muito a atenção e ajuda! Bjinhos

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Raquel!

      Corte os brotos bem rente à raiz. Use uma tesoura.

      Se você arranca da terra com raiz... dá uma trabalheira danada para higienizar, tirar a raiz. Enfim, não vale à pena.

      Os brotos que têm duas folhas não crescem novamente.

      A gramas podem crescem até duas vezes ou mais. Testa aí no ecossistema da sua casa.

      Beijinhos para você também!

      Excluir
  7. Olá Aline, tudo bem?
    Seu blog é um espetáculo, tudo é lindo!
    Sou fanática pela natureza, amo de paixão, não tenho quintal na minha casa, entretanto tenho algumas especiarias e verduras em baldes e potes, estou louca para começar com os brotos e geminações. Gostaria de saber se posso utilizar o broto de duas folhas em cozidos, por exemplo em cozido de carne ou yakissoba, ( como se fosse o moyashi). Desde já te agradeço pela atenção e te parabenizo pelo trabalho lindo que faz! Abraço.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Elivania!

      Que maravilha que gostou do blog! Fico feliz!

      É claro que eles (os brotos) ficarão mais felizes frescos e recém-colhidos para cair direto em saladas cruas. rsrsrs

      Porém, você faz os brotos e, depois utiliza-os da forma que o seu coração disser...

      Um beijo e boa sorte no seu caminho!

      Excluir

Olá!

Escreva aqui o seu comentário sobre a postagem.

Alimentação Viva: um outro estilo de viver

Afinal, o que é Alimentação Viva para você?  Para nós, não se trata de um hábito alimentar, muito menos de uma dieta. A Alimentação...

Jovens postagens

.

O conteúdo deste blog é ofertado aos leitores que desejam aprimorar-se nas práticas da Alimentação Viva e inspirar-se no estilo de vida ecológico.

Agradeço de profundo coração os compartilhamentos que CO-LABORAM para divulgar este trabalho, citando as respectivas fontes e autoria!

Aqui mora um pequeno resumo dos muitos anos dedicados à pesquisa, onde uso o meu próprio corpo como experimento.

Peço gentilmente que não utilizem as nossas publicações para fins comerciais. Só porque não vale à pena promover-se financeiramente às custas do esforço e criatividade alheios.

A Vida vem da Vida!

Com carinho,

Aline Chaves
A moça que planta nas panelas

Licença Creative Commons
Panelas de Capim de Aline Almeida Chaves está licenciado com uma Licença Creative Commons - Atribuição-NãoComercial 4.0 Internacional.
Baseado no trabalho disponível em http://panelasdecapim.blogspot.com.
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

O que tem dentro das Panelas de Capim?

Voe para o nosso Site!

Voe para o nosso Site!
www.panelasdecapim.com.br