18 de dez de 2014

Sumo doce de acerolas!

Que  tal  um brinde em tom vermelho?



Já é Natal aqui no quintal!

Quando a gente olha para o pé de acerola dá até vontade de rir... É muito encantamento!
Centenas de bolhas vermelhas, brilhantes e verdadeiras... 

A autenticidade das árvores frondosas provê o significado mais puro da Abundância!!! Um ser REAL de natureza! Uma beleza que dispensa plásticos e comentários. 

O pé de acerolas frutifica no início do verão... É o Natal dos trópicos, minha gente! Nem precisa de pisca-pisca. À noitinha já chegam os vagalumes! rs

Acerolas! Frutas típicas dos quintais que preservam, ainda, autenticidade no sabor, riqueza colorida da agrobiodiversidade. Uma certa iguaria difícil de encontrar em supermercados e hortifrutis... Chegam até você pelo gesto da generosidade, uma oferta do quintal ou de alguém conhecido (provavelmente não sabe mais o que fazer com tanta frutinha espalhada pelo chão).  acredito em Acerolas!!!! 
Acredito no sumo fresco destes vegetais vermelhos, frescelo Anjo da Terra!

Tá certo! Acerolas não são tão doces como os afetos que te conduziram até aqui. Mas, para isso nós temos a mágica da cooperação!

Agora, chama a maçã e o abacaxi, que vem suco doce de acerola por aí!!! rs


Ingredientes:


2 maçãs
1/2 abacaxi
2 xícaras de acerolas

Modo de Fazer:

Corte em quadradinhos as maçãs e o abacaxi descascado. Coloque-os no liquidificador sem água. Bata-os com o auxílio de uma cenoura, como se o liquidificador fosse um pilão. Ei, espere aí! Não é para desfazer a cenoura, tá! Coe em um tecido de voal.

Agora, bata o líquido coado das maçãs e dos abacaxis com as acerolas. Coe novamente em um voal. Está pronto.

A parte sólida que restou das maçãs e dos abacaxis? Ah! Inventa que fica bom de qualquer jeito. 

Que a Paz esteja Contigo!


Aline Chaves
Pesquisadora dos ciclos alimentares e alquimista da vegetais vivos

Um comentário :

  1. Que postagem mais linda, Aline... que dá gosto! Gosto de acerolas! rs
    Combina muito comigo, e tem sentimento... Sentimento do mundo!

    Ainda terei um recanto... um pequeno vale, uma montanha verde e outra azul, uma para viver e escalar, outra para admirar... E ali, no quintal, onde as galinhas e os cordeiros ciscarão e pastarão juntos, uma aceroleira encherá nossas vidas de beleza e sabor. Todos fim de ano a Mãe Terra e os anjos ornarão o nosso natal. Todo começo e meio de ano tmb. Um Natal, uma páscoa, um dia do perdão, dia de mãe e de pai, e de filhos e de bichos, sem fim... sem fim... sempre enfeitado de vida e de amor.

    Obrigada pela linda postagem, oásis querido nesse mundo árido mundo cibernético.

    bjos
    Aline

    ResponderExcluir

Olá!

Escreva aqui o seu comentário sobre a postagem.

Alimentação Viva: um outro estilo de viver

Afinal, o que é Alimentação Viva para você?  Para nós, não se trata de um hábito alimentar, muito menos de uma dieta. A Alimentação...

Jovens postagens

.

O conteúdo deste blog é ofertado aos leitores que desejam aprimorar-se nas práticas da Alimentação Viva e inspirar-se no estilo de vida ecológico.

Agradeço de profundo coração os compartilhamentos que CO-LABORAM para divulgar este trabalho, citando as respectivas fontes e autoria!

Aqui mora um pequeno resumo dos muitos anos dedicados à pesquisa, onde uso o meu próprio corpo como experimento.

Peço gentilmente que não utilizem as nossas publicações para fins comerciais. Só porque não vale à pena promover-se financeiramente às custas do esforço e criatividade alheios.

A Vida vem da Vida!

Com carinho,

Aline Chaves
A moça que planta nas panelas

Licença Creative Commons
Panelas de Capim de Aline Almeida Chaves está licenciado com uma Licença Creative Commons - Atribuição-NãoComercial 4.0 Internacional.
Baseado no trabalho disponível em http://panelasdecapim.blogspot.com.
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

O que tem dentro das Panelas de Capim?