10 de nov de 2013

Provolone vegetal com sementes germinadas

O que é, o que é...

Tem cor, sabor, cheiro, jeito de provolone, mas vem lá do fundo da terra e bem de dentro do girassol?

????? HUUUUUMMMMMM

Provolone de origem vegetal! Nascido das raízes da mandioca e das sementes de girassol germinadas.




https://www.panelasdecapim.com.br/apostilasvivas



Paladar incomum... aroma agradável! Prova e depois me conta, ok?


Com carinho do fundo do coração,

Aline Chaves
Pesquisadora dos ciclos alimentares e alquimista de vegetais vivos


Quer mais?
Então, cadastre-se para participar das nossas atividades!

17 comentários :

  1. Que ótimo! Adorei! Mas o que fazer quando não se tem muito sol em casa? Aqui no meu quintal pega só umas duas horas e meia de sol por dia. Posso deixar esse tempo, guardar na geladeira, depois deixar mais esse tempo de novo no dia seguinte? Obrigada!
    --Leticia

    ResponderExcluir
  2. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Letícia!

      O resfriamento provocador pelas geladeiras destroem os biocampos energéticos presentes nos alimentos vivos...

      Neste caso, opte pelos telhados... Geladeira, não! rsrs

      Eu, por exemplo, não uso geladeira há 7 anos!

      Brincadeiras à parte, é possível administrar o forno do seu fogão e transformá-lo em um desidratador doméstico.

      Nível mínimo de temperatura e tampa entreaberta para deixar sair a água dos alimentos.

      Lembre-se que DES-HIDRATAR significa tirar as águas. Então, você cuida para o forno não fechar, senão vai superaquecer seu queijinho que continuará úmido.

      Uma boa dica de medição da temperatura é que suas mãos regem o termômetro do fogo da vida.

      Nesse caso, use-as para saber se a temperatura está quente demais ou de menos.

      Vai demorar um pouquinho... mas vai rolar!

      beijos e boa pesquisa!!!

      Excluir
    2. Obrigada pela dica!
      --Leticia

      Excluir
  3. quando fica ao sol, tem que cobrir? Cobrir com quê? Pois, pode haver risco de mosca sentar no fermentado, ou não?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Shirley!

      Sim, existe uma enorme possibilidade de isso acontecer.

      Cobre com um tecido de voal, que é bem fininho e quase transparente... ou um filó branquinho... ou um tecido chamado tela esportiva: aquele forro de short para homens!

      Já vi que você vai dar um passeio em lojas de tecidos...

      Beijos e boa sorte!

      Excluir
  4. Oi Aline,

    Queria saber porque tem que enxaguar a semente de girassol germinada antes de usar. Eu fiz o queijo no fim de semana e esqueci de enxaguar. Será que pode ter alguma consequencia?

    Obrigada desde já!
    Carol Ribeiro

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Carol!

      Não, não haverá nenhuma consequência... Até porque já é passado!

      A única razão pela qual orientamos que as sementes germinadas devem ser enxaguadas antes do consumo (qualquer semente)... é preservar a higiene do nosso alimento vivo.

      Lavar semente é sempre bom! Viva as águas correntes!!!!

      beijos

      Excluir
  5. Aline o resultado desse é muito diferente do de grão de bico?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Tania!

      É diferente, sim!

      Cada semente tem sua sabedoria, seu aroma, seu paladar.

      Experimenta só!

      beijos

      Excluir
  6. Oi, Aline!
    Fiz a manteiga de baroa, e agora estou preparando para fazer o provolone de mandioca, mas moro sozinha e não dá pra cmer tudo em um dia.
    Quantos dias esses pratos resistem fora de uma geladeira?
    Abraços,
    Marie

    ResponderExcluir
  7. Olá Marie!

    Estes fermentados duram muito mais do que os vegetais in natura. Mas, nem tanto!!! No máximo 24 horas, fora da geladeira.

    Eu sempre faço pequenas quantidades, porque gosto de comer tudo de uma vez só. Eles super-alimentam!!!!

    Na verdade, meu lema é a alegria do AQUI e AGORA combinada com o princípio do planejamento.

    Eu não tenho experiências com geladeira, porque não acredito nos princípios de estoque e armazenamento. Sempre planejo a quantidade certa que consigo comer. Assim, não tem perda de energia, nem desperdício!

    Claro que isso não impede que você experimente do seu jeito... prove e comprove ao seu tempo e modo! Sinta no seu corpo esta sensação e adote o que melhor lhe convier.

    beijos e boa pesquisa

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Gratidão pelo seu carinho e atenção.
      Ontem mesmo fiz isso, reduzi as qtdes da receita, vamos ver se reduzi certo...rsrs
      Vitória Sempre na Luz pra ti!
      Marie

      Excluir
  8. OI gente! Que receita lidna! :D
    Eu também tenho esse problema com o sol, hehehe... Vou tentar fazer no forno.
    Mas fiquei com outra dúvida:
    hoje eu fiz leite de girassol. Na verdade percebi que o residuo do leite (o que foi coado) pode ser usado como algum patê, e vim pesquisar e achei essa receita. Queria saber se posso usar o resíduo mesmo, ao invés do girassol.
    outra coisa: o que é escoado poderia ser usado pra leite vegetal, não? o que me dizem sobre isto?
    um beijoooo!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá, Alecrim!

      É claro que pode... Nós podemos tudo! rs Culinária viva é liberdade...

      Lembre-se apenas que a sua receita terá um paladar diferente desta, ok? (porque o sumo fresco do girassol foi embora no seu leite vegetal).

      "O leite escoado poderia ser usado para leite vegetal?" De que leite você fala aqui??? Se for do fermentado... não vale à pena, porque o gosto é horrível.

      Felicidades e sucesso nas pesquisas!!!

      Excluir
  9. Ahhh mais uma coisa: posso improvisar um voal? Digo... eu tenho um coador aqui, mas não tenho como pendurar em lugar algum e como não moro sozinha as pessoas daqui podem se incomodar, hehehe... Teria como eu improvisar isto de alguma maneira?
    Penso em usar um coador, colocar a mistura nele e deixar escorrendo numa vasilha por estas oito horas. O que acha disto? :)

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá!

      Vou ser bem honesta com você: o meu voal é insubstituível! rs

      Bem, mas vá lá tentar com a sua peneira que dá certo, também! Basta que coloque um prato com um peso por cima da mistura batida (quie por sua vez fica prensada em cima da peneira).

      Até!

      Excluir

Olá!

Escreva aqui o seu comentário sobre a postagem.

Alimentação Viva: um outro estilo de viver

Afinal, o que é Alimentação Viva para você?  Para nós, não se trata de um hábito alimentar, muito menos de uma dieta. A Alimentação...

Jovens postagens

.

O conteúdo deste blog é ofertado aos leitores que desejam aprimorar-se nas práticas da Alimentação Viva e inspirar-se no estilo de vida ecológico.

Agradeço de profundo coração os compartilhamentos que CO-LABORAM para divulgar este trabalho, citando as respectivas fontes e autoria!

Aqui mora um pequeno resumo dos muitos anos dedicados à pesquisa, onde uso o meu próprio corpo como experimento.

Peço gentilmente que não utilizem as nossas publicações para fins comerciais. Só porque não vale à pena promover-se financeiramente às custas do esforço e criatividade alheios.

A Vida vem da Vida!

Com carinho,

Aline Chaves
A moça que planta nas panelas

Licença Creative Commons
Panelas de Capim de Aline Almeida Chaves está licenciado com uma Licença Creative Commons - Atribuição-NãoComercial 4.0 Internacional.
Baseado no trabalho disponível em http://panelasdecapim.blogspot.com.
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

O que tem dentro das Panelas de Capim?